Como funciona e é estruturado o LEED?

Como funciona o LEED

O Leadership in Energy and Environmental Design (LEED) é uma certificação utilizada por mais de 160 países em todo o mundo. Quando um projeto de arquitetura passa pela análise e consegue o certificado, isso quer dizer que ele cumpre diversos requisitos relacionados a aspectos econômicos, sociais e ambientais.

Atualmente, as empresas que querem entrar no mercado com um posicionamento mais sustentável e de proteção ao meio ambiente devem fazer seus projetos de acordo com os parâmetros ambientais do Environmental, Social and Corporate Governance (ESG) e do LEED. 

Outras vantagens do LEED são a modernização, a diminuição dos custos de operação e a redução dos riscos regulatórios. Veja, neste artigo, tudo o que você precisa saber para conseguir a certificação LEED!

Como funciona a certificação do LEED?

A certificação funciona por meio de uma avaliação que define pontuações para cada uma das categorias analisadas pela entidade responsável. Caso o número de pontos seja atingido, o projeto recebe a certificação adequada à quantidade de pontos obtidos.

Nos próximos tópicos, falamos mais sobre as categorias e sobre os tipos de certificação.

Quais categorias são avaliadas?

Para conseguir a certificação LEED, são avaliadas 9 categorias: 

  • Qualidade do Ambiente Interno;
  • Terrenos Sustentáveis;
  • Processo Integrado;
  • Materiais e Recursos;
  • Eficiência Hídrica;
  • Localização e Transporte;
  • Inovação;
  • Energia e Atmosfera;
  • Prioridade Regional.

Quais são os diferentes tipos de LEED? 

Ao longo da análise das categorias mencionadas, o projeto vai ganhando pontos. Esses pontos são utilizados para definir o tipo de LEED. A pontuação mínima para obter a certificação é de 40 pontos. Caso o projeto consiga alcançar essa marca, o projeto apenas ganha o certificado e o rótulo Certified.

Porém, caso o projeto alcance mais pontos, os rótulos do certificado passam a ser Silver (50 pontos), Gold (60 pontos) e Platinum (80 pontos). A pontuação máxima é de 110 pontos. Se o projeto conseguir alcançá-la, a certificação também é a Platinum.

Como obter a certificação LEED?

Para obter a certificação LEED, é preciso passar por algumas etapas. A primeira delas é a escolha de tipologia do projeto. As principais opções são as de desenvolvimento de bairros, interiores, novas construções, operações e manutenções.

Depois disso, é preciso fazer o registro do projeto junto ao U.S. Green Building Council (USGBC). Isso pode ser feito por meio do site do LEED. Depois, é hora de reunir e enviar a documentação. Os documentos devem conter as informações de todas as etapas do projeto.

Posteriormente, um revisor do Green Business Certification Inc. (GBCI) analisa os documentos do projeto. Nessa etapa, pode ser que sejam solicitadas mais informações e esclarecimentos. 

Com tudo aprovado, o número de pontos e o tipo da certificação é divulgado! Caso haja alguma discordância por parte da empresa, é possível recorrer da decisão. 

Existem pré-requisitos para se certificar? 

Sim. Para se certificar, é preciso cumprir alguns requisitos nas categorias de Qualidade do Ambiente Interno, Terrenos Sustentáveis, Processo Integrado e nas outras já citadas. Além disso, também é preciso obter o mínimo de 40 pontos na avaliação do GBCI.

Gostou do artigo? Então continue no site do Plantar Ideias para conhecer a empresa e saber mais sobre os nossos serviços e projetos!

EN | PT